Postagens

Mostrando postagens de Junho 3, 2011

O DIA EM QUE A REPRESENTAÇÃO DE ENSINO DEU PRÁ TRÁS NUMA ESCOLA DO INTERIOR DE RONDÔNIA: OUTRAS REFLEXÕES.

Imagem
1. Os acontecimentos tanto a do dia 17 e depois a do dia 30 de maio ocorrido na EEEFM Priscila Rodrigues Chagas, do interior de Rondônia, infelizmente é algo banal em todas as escolas públicas desse país. Porém, são dessas banalidades que a educação tem sido feita e quem pode formalmente fazer algo para mudar, não está nem aí com isso. Para a maioria dos políticos, os representantes dos donos desse país, é comum pensar como pensa a secretária de educação do Rio Grande do Norte, Betânia Ramalho, segundo afirma a professora Amanda Gurgel em seu discurso na ALE/RN: “Não vamos falar da situação precária porque isso todo mundo já sabe.
2. De novo faço minha as palavras da colega nordestina: “Como assim não vamos falar da situação precária? Gente! Nós estamos banalizando isso daí! Estamos aceitando a condição precária da Educação como uma fatalidade”. Mas, como eu ainda reluto em acreditar que as condições precárias sejam uma fatalidade, volto a refletir sobre a concessão dada pela REN e d…

Estudantes são violentamente reprimidos por Batalhão de Missões Especiais em manifestação pela redução da passagem em Vitória (ES)

Luciana Silvestre Girelli*
“No dia 02/06, Vitória vai parar”. Essa era a frase colada nos pontos de ônibus de Vitória (ES), há cerca de dois meses, pelo Movimento Passe Livre (MPL) e organizações estudantis, anunciando o dia de luta pela redução do preço da passagem e pelo passe livre. Confirmando o indicativo, na manhã de ontem, os estudantes iniciaram os protestos fechando as vias de acesso ao Centro de Vitória, em frente ao Palácio Anchieta, e foram violentamente retirados pelo Batalhão de Missões Especiais (BME) da Polícia Militar.
As manifestações pela redução da passagem e em protesto contra a repressão policial continuaram no período da tarde, na Avenida Fernando Ferrari, em frente à Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Cerca de 200 estudantes protestavam na avenida, quando o BME atirou bombas e balas de borracha, atingindo as pessoas que estavam nas dependências do campus da Ufes, incluindo prédios de salas de aula, o Teatro Universitário e o Centro de …

DIA 8, NO 5º ANO, TERMINA A TEMPORADA BRASILEIRA DE ARMAÇÃO ILIMITADA

Imagem
O valoroso companheiro Carlos Lungarzo alinhavou todas as arbitrariedades cometidas contra o escritor Cesare Battisti, ao longo dos 50 meses que já duram a encarniçada perseguição teleguiada desde a Itália, contando com a colaboração de membros do Judiciário brasileiro e da quase totalidade da (grande) imprensa canalha.
Seu Catálogo Brasileiro Abreviado do Caso Battisti é simplesmente estarrecedor. Como podem dois ministros do Supremo Tribunal Federal levarem a cabo, impunemente, tantos e tão graves estupros da Justiça?!
Eu sei, tu sabes, eles sabem, todos sabemos que o STF será obrigado, no próximo dia 8, a reconhecer que a decisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva encerrou o caso.

Mas, libertado Battisti, continuará existindo um crime de sequestro a apurar-se, pois desde o dia 31 de dezembro de 2010 deixou de haver qualquer justificativa legal para ele ser mantido sob custódia.
Quem não cumpriu a decisão que o próprio STF delegou ao presidente da República deveria ser respons…