Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 25, 2015

Sucata celebrada ou memória preservada?

Imagem
http://youtu.be/PPW3ju1Y7nIUm grupo de ativistas realizou na tarde deste sábado (24), dia em que Porto Velho comemora 100 anos de instalação, o movimento "Viva Madeira-Mamoré", como protesto visando atrair a atenção dos entes públicos e sociedade civil para o abandono em que está o complexo da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, em Porto Velho. Neste evento foram feitas performances, exposição-fotográfica e um abraço simbólico ao patrimônio. Também foi lido um manifesto que será entregue aos entes públicos responsáveis pelo complexo, com assinaturas de pessoas que estavam no local. Manifesto que pede, entre outras coisas, a instalação de um posto policial no complexo; audiência pública para um plano de revitalização da estrada de ferro e a criação de uma fundação municipal específica para gerir a Madeira-Mamoré. Ora diante dessa notícia acima, veio à mente um depoimento muito importante, cujo teor coloca algumas dúvidas nesse evento. É o depoimento do Senhor Dionísio Schockness…