Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

Isabel Luz: manda quem pode, obedece quem tem juízo e a omissão dos sabidos.

Imagem

"F...-SE O MUNDO!" DEIXOU DE SER GRACEJO

Imagem
Por Celso Lungaretti Primeiro vieram os alertas de que as alterações climáticas convulsionariam o planeta, ameaçando a própria sobrevivência da espécie humana.

Depois, os que lucram com as práticas causadoras do aquecimento global e da dilapidação de recursos essenciais para continuarmos a existir, contra-atacaram com uma verdadeira blietzkrieg de propaganda enganosa. 
No capitalismo todos se vendem, até cientistas. Então, não foi difícil encontrar quem preferisse um bom saldo bancário do que boas perspectivas para  os pósteros. É a velha história do "eu não me chamo Raimundo". Mesmo quando "f...-se o mundo!" deixou de ser gracejo, tornando-se possibilidade concreta.

Veio Fukushima e poucos notaram que as inundações e terremotos causados pelos distúrbios do clima poderão ter efeito semelhante em qualquer usina nuclear do planeta. São bombas-relógio que armamos para nós mesmos.  Passamos tanto tempo temendo que o fim do mundo viesse com as superpotênc…

ACERCA DE ALGUMAS INFORMAÇÕES DO TEXTO: “GESTÃO DEMOCRÍTICA DAS ESCOLAS PUBLICAS EM RONDÔNIA: O 18 DE BRUMÁRIO DA ESCOLA ELÓISA BENTES”... 01

Imagem

UMA CANDIDATURA CONTRA A FASCISTIZAÇÃO

Imagem
"Agora vou terminar Agora vou discorrer Quem sabe tudo e diz logo Fica sem nada a dizer" (Gilberto Gil, Roda)
Restando apenas uma quinzena  de campanha eleitoral, chega a hora de dizer exatamente a que venho e por que nela estou. A sinceridade é sempre o melhor caminho.
Eterno otimista, durante o Caso Battisti eu superestimei o papel da internet como ferramenta para o bom combate. Pensei que continuaria obtendo a mesma repercussão nas lutas vindouras.
As decepções se sucederam: a ocupação militar da USP, que representa um retrocesso aos tempos nefandos da ditadura de 1964/85; a higiene social na Cracolândia, desumanidade a serviço da especulação imobiliária; e a barbárie no Pinheirinho, que em qualquer país civilizado acarretaria o impeachment do principal culpado, o governador do estado.
Parte da esquerda  não quis  reagir à altura, nos três episódios. Eu  muito tentei e me esforcei, mas não obtive resultados concretos. E estou com os três entalados na garganta até ho…

Gestão Democrítica das Escolas Publicas em Rondônia: O 18 de Brumário da Escola Elóisa Bentes

Imagem
1- Diz a História contada pelos livros didáticos fornecidos pelo MEC que o golpe de Estado de 18 de Brumário [do calendário francês, 9 de novembro de 1799]iniciou a ditadura napoleônica na França. Os admiradores de Napoleãocriaram um jornal em Paris que divulgava a imagem de um general patriota, invencível e adorado por seus soldados. Nacionalismo, glórias militares, ideal de igualdade: essas idéias fascinavam os franceses. Quando os idealizadores do golpe derrubaram o Diretório e criaram o Consulado, estabelecendo um novo governo na França, o jovem general Napoleão Bonaparte assumiu o cargo de primeiro-cônsul em meio a uma crise generalizada. Isso foi na França do século18. 2- Já o Golpe de Estado de 18 de Brumário em Rondônia corresponde ao dia em que o prof. Joelson Chaves de Queiroz foi DEFENESTRADO do cargo de Diretor da Escola Estadual de Ensino Fundamental Eloísa Bentes no bairro Quatro de Janeiro na Capital Porto Velho. Oficiosamente, foi apurado que a Secretária de Educação do…