Construindo a Luta Popular para o dia 28

A mobilização popular ter crescido. Há panfletagens nas fábricas, locais de trabalho e bairros.  Todos temos saído as ruas trabalhando na construção de uma consciência coletiva contra as Reformas Trabalhista e Previdenciária. Todavia, não podemos retroceder nenhum milímetro diante do avanço da escalada golpista representada por este governo. Reitero a importância de construirmos novos comitês de mobilização nos bairros, saliento ainda necessidade colocarmos nossas diferenças de lado e nos unirmos para fazermos o melhor.

 A tentativa recente de prender líderes populares como Lula  do PT ( Partido dos Trabalhadores), Rui Costa Pimenta do PCO ( Partido da Causa Operária) e mesmo a detenção arbitraria que foi feita há pouco tempo de Guilherme Boulos do MTST ( Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) demonstra a necessidade de união de todos, isto apenas reforça a nossa tese que o processo das reformas contra os trabalhadores é acompanhado de uma instrumentalização de setores da polícia do judiciário para perseguir os líderes da resistência ao Estado de exceção.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

CULTURA, INTERCULTURALIDADE E MULTICULTURALISMO: UM INVENTÁRIO DAS IGUALDADES E DIFERENÇAS TEÓRICAS NA EDUCAÇÃO

CABECINHAS ENVENENADAS!

CARTA ABERTA À ADVOGADA GERAL DA UNIÃO